Terça-feira 29 Setembro 2020 - 7:38:56 am

Passada a primeira fase crucial, a FANR continuará a conduzir a sua supervisão regulamentar e inspecção da Central Nuclear de Barakah

  • "الاتحادية للرقابة النووية" تؤكد مواصلة مهامها الرقابية لعملية تشغيل محطات براكة
  • "الاتحادية للرقابة النووية" تؤكد مواصلة مهامها الرقابية لعملية تشغيل محطات براكة
  • "الاتحادية للرقابة النووية" تؤكد مواصلة مهامها الرقابية لعملية تشغيل محطات براكة
  • "الاتحادية للرقابة النووية" تؤكد مواصلة مهامها الرقابية لعملية تشغيل محطات براكة

ABU DHABI, 1 de Agosto de 2020 (WAM) -- Desde a emissão da Licença de Funcionamento em Fevereiro de 2020 para a Unidade 1 da Central Nuclear de Barakah, a Autoridade Federal para a Regulamentação Nuclear, FANR, tem continuado a sua supervisão regulamentar: começando com alimentação de combustível, testes até atingir a primeira fase crucial, o que é uma condição normal de funcionamento no reactor, onde a energia é produzida utilizando combustível nuclear.

Numa declaração sobre o marco mais histórico até à data na entrega do Programa de Energia Nuclear Pacífica dos EAU, a FANR confirma que a Agência de Energia Nawah, o operador, cumpriu todos os requisitos regulamentares para iniciar esta fase. O marco histórico segue-se a uma extensa supervisão, incluindo inspecções regulares, para garantir a segurança e a protecção da central nuclear.

Após a concessão da licença de exploração até à primeira fase crucial, as actividades de supervisão da FANR incluíram uma inspecção regular, utilizando os seus inspectores residentes, bem como o destacamento de inspectores para supervisionar o carregamento de combustível e os processos de teste. A FANR está continuamente a verificar o sistema de preparação e resposta a emergências, bem como a monitorizar o ambiente através de estações de monitorização independentes em torno da central nuclear e do seu Laborador Ambiental", disse a declaração.

A fase, afirmou a FANR, é outro marco histórico para o Programa de Energia Nuclear dos EAU, que conduzirá à operação comercial completa da Unidade 1 prevista para o final deste ano. Desde a sua criação em 2009, a FANR emitiu regulamentos e guias regulamentares, e realizou revisões e inspecções rigorosas para atingir este marco para a primeira central nuclear da região, a fim de garantir a sua segurança e protecção.

Após a conclusão da primeira fase crucial, a FANR continuará a conduzir a sua supervisão e inspecção regulamentar durante esta fase, e fases subsequentes, incluindo a sincronização da rede eléctrica e a operação comercial completa para garantir a segurança e a protecção da central nuclear como parte da sua missão de proteger o público, os trabalhadores e o ambiente, concluiu a declaração.

Traduzido por: Mohamed Eid Khedr.

http://www.wam.ae/en/details/1395302859581

WAM/Portuguese