Terça-feira 29 Setembro 2020 - 8:03:38 am

O maior parque eólico do Oriente Médio marca um passo importante na construção com a chegada das primeiras turbinas

  • photo 3
  • photo 1
  • photo 2
  • photo 4b

RIYADH, 29 de julho de 2020 (WAM) -- O parque eólico de Dumat Al Jandal, na Arábia Saudita, marcou um marco importante na construção com a chegada de 20 turbinas eólicas ao Porto de Duba. O projeto de 400 megawatts, MW, está sendo desenvolvido por um consórcio liderado pela EDF Renováveis em parceria com a Masdar.

As turbinas compostas por torres, lâminas e nacelas serão montadas no local de Dumat Al Jandal, localizado 900 km ao norte de Riyadh, na região de Al Jouf, na Arábia Saudita, de acordo com um comunicado à imprensa divulgado na quarta-feira.

Um total de 99 turbinas eólicas Vestas V150-4,2MW serão instaladas, com uma altura de cubo de 130 metros e um diâmetro de rotor de 150 metros.

A Vestas também é responsável pelo contrato de engenharia, aquisição e construção do projeto, enquanto a TSK está cuidando do equilíbrio da planta e a Companhia Al Babtain Contratantes está fornecendo as subestações e soluções de alta tensão do projeto.

Dumat Al Jandal será o primeiro parque eólico da Arábia Saudita e o maior do Oriente Médio quando concluído. A construção começou em agosto passado e as operações comerciais devem começar no primeiro trimestre de 2022.

Uma vez totalmente operacional, o parque eólico alimentará até 70.000 lares sauditas, ao mesmo tempo em que deslocará cerca de 988.000 toneladas de dióxido de carbono por ano.

O Escritório de Desenvolvimento de Projetos de Energia Renovável do Ministério de Energia da Arábia Saudita concedeu o parque eólico Dumat Al Jandal no valor de US$ 500 milhões ao consórcio EDF Renewables-Masdar em janeiro de 2019, após uma licitação competitiva na qual apresentou a proposta mais baixa de US$ 21,3 por megawatt-hora, MWh.

A tarifa foi ainda melhorada para US$19,9/MWh no fechamento financeiro, tornando Dumat Al Jandal o projeto eólico mais econômico em qualquer lugar do mundo.

O parque eólico Dumat Al Jandal fornecerá eletricidade de acordo com um acordo de compra de energia por 20 anos à Saudi Power Procurement Company, uma subsidiária da Saudi Electricity Company, a empresa saudita de geração e distribuição de energia.

Osama bin Abdulwahab Khawandanah, CEO da Companhia Saudita de Compras de Energia, responsável pela compra de toda a produção do projeto Dumat Al Jandal, disse: "Dumat Al Jandal é nosso primeiro projeto de energia eólica produzindo eletricidade em escala e, como um projeto chave sob a Iniciativa de Energia Renovável King Salman, está desempenhando um papel chave na diversificação sustentável do mix de energia da Arábia Saudita.

"Dumat Al Jandal reflete nossa forte parceria com o setor privado e a viabilidade comercial da energia eólica, o que nos permite estabelecer um setor de energia renovável competitivo no Reino, enquanto reduzimos nossas emissões de carbono em linha com a Visão 2030".

Por sua vez, Frédéric Belloy, vice-presidente executivo internacional da EDF Renováveis, disse: "Este marco-chave da construção, no maior parque eólico do Oriente Médio, destaca o progresso alcançado na fase de entrega do projeto pelo consórcio e seus fornecedores, graças ao apoio das autoridades e entidades do Reino responsáveis pela implementação do Programa Nacional de Energia Renovável".

Por sua vez, Mohamed Jameel Al Ramahi, CEO da Masdar, disse que a entrega do primeiro lote de turbinas eólicas é um marco significativo no desenvolvimento do parque eólico Dumat Al Jandal e na realização do programa mais amplo de energia renovável da Arábia Saudita, "com o qual estamos totalmente comprometidos com nossos parceiros".

Trad. por Nadia Allim.

http://www.wam.ae/en/details/1395302858958

WAM/Portuguese