Quarta-feira 12 Maio 2021 - 11:44:44 am

Enviado climático dos EUA congratula-se com o empenho dos EAU na acção climática


ABU DHABI, 9 de Abril de 2021 (WAM) - Enviado Especial do Presidente dos EUA para o Clima John Kerry elogiou o empenho demonstrado pelos EAU em adoptar a vasta escala de fontes de energia renováveis, dizendo que a liderança dos EAU se apercebeu da importância das fontes de energia alternativas, "muito antes de se tornar um tema quente".

Kerry fez os comentários durante um painel de discussão virtual intitulado "Um Ano Crítico para a Acção Climática", como parte das Reuniões de Primavera do Banco Mundial. O painel, que incluiu Kristalina Ivanova Georgieva, Directora-Geral do Fundo Monetário Internacional, foi moderado por Becky Anderson, da CNN.

Kerry sublinhou que os EAU demonstraram um firme empenho em ajudar a tornar a Conferência das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas (COP26) em Glasgow, a 1-12 de Novembro de 2021, um sucesso.

"O que me impressionou foi o compromisso dos EAU em ajudar a fazer de Glasgow um sucesso. Exortaram a novas reduções das emissões e aceitaram a responsabilidade de ajudar na transição. Sim, eles vão continuar por um período de tempo, particularmente com gás, mas eles compreendem que esta é uma mudança que está a chegar e precisam de diversificar a sua economia", disse ele.

Questionado sobre as principais mensagens que levou do diálogo climático regional em Abu Dhabi na semana passada, e a decisão que tinha sido tomada com o Governo dos EAU, disse Kerry: "A liderança dos EAU tem sido excepcionalmente compreensiva quanto à necessidade dessa mudança e durante vários anos, e muito antes de este se ter tornado o tema quente que é neste momento, eles já estiveram envolvidos em alguma dessa diversificação e investimento em energias renováveis alternativas e agora muito mais".

Ele disse que o Diálogo Climático Regional a que assistiu em Abu Dhabi, mostrou um consenso entre os países de que são afectados pelo clima.

"Precisamos de compreender que esta é uma década crítica de decisões e o que resultou das conversações em Abu Dhabi foi a unidade destes países em falar sobre a forma como o seu país está hoje a ser afectado pelo clima".

Também sublinhou as perspectivas futuras para o hidrogénio como combustível energético limpo alternativo.

"O meu sentido é que muitas pessoas começam a olhar para o hidrogénio porque ele é abundante e se o conseguirmos produzir com menos intensidade energética, que poderá ser um campo importante do futuro. Há uma corrida em curso agora e é uma corrida bem-vinda. Precisamos de uma corrida até 2030", concluiu ele.

Traduzido por. Mohame Eid Khedr.

https://www.wam.ae/en/details/1395302925873

WAM/Portuguese