Sábado 13 Agosto 2022 - 4:11:10 pm

Os EAU mostram as competências da sua indústria marítima durante a recepção das eleições do Conselho da OMI

  • الإمارات تستعرض قدرات قطاعها البحري لتعزيز ترشحها في المنظمة البحرية الدولية
  • الإمارات تستعرض قدرات قطاعها البحري لتعزيز ترشحها في المنظمة البحرية الدولية
  • الإمارات تستعرض قدرات قطاعها البحري لتعزيز ترشحها في المنظمة البحرية الدولية

DUBAI, 6 de Dezembro de 2021 (WAM) -- Os EAU são actualmente considerados como um dos mais importantes pólos marítimos em todo o mundo. Capitalizando na sua localização estratégica, práticas benéficas, decisões, e legislações, a nação é agora considerada como tendo uma das infra-estruturas marítimas mais desenvolvidas, normas de segurança, e ambientes marinhos a nível mundial.

Como resultado destes passos progressivos, os EAU conseguiram rapidamente melhorar a sua reputação no espectro marítimo global, permitindo-lhe ser eleito para o Conselho Executivo da OMI na Categoria B em 2017, e depois ser reeleito para o mesmo em 2019.

Além disso, a nação está agora ansiosa por ser reeleita pela terceira vez consecutiva durante as eleições de 2021. Como parte do Conselho Executivo, os EAU pretendem continuar o seu papel activo no reforço da legislação e regulamentos marítimos para servir o sector marítimo e o comércio internacional, ao mesmo tempo que reforçam o sector marítimo global para um futuro sustentável.

Durante a recepção realizada nas eleições do Conselho da OMI, os representantes dos EAU destacaram as realizações dos EAU na indústria marítima e mostraram a competitividade da nação no sector. Tendo ficado em 3º lugar a nível mundial no comércio de serviços de transporte e no índice de abastecimento de bunker, 5º a nível mundial como um importante centro marítimo competitivo, e 13º a nível mundial no desempenho e índice de eficiência portuária, os EAU são de longe um dos melhores desempenhos no sector marítimo mundial.

Hassan Mohamed Juma Al Mansoori, Subsecretário para o Sector das Infra-estruturas e Transportes do Ministério da Energia e Infra-estruturas dos EAU, afirmou: "Como esperamos ser reeleitos no Conselho Executivo da OMI pela terceira vez consecutiva, estamos ansiosos por motivar a indústria a cumprir as novas legislações e transformação digital, a fim de implementar soluções avançadas, inteligentes e inovadoras para o desenvolvimento sustentável do sector. Actualmente, acolhemos mais de 27.000 empresas marítimas no país, e os nossos portos estão classificados como um dos melhores em todo o mundo, consolidando assim a nossa posição como uma plataforma marítima líder a nível mundial".

Para além de promover a transformação digital da indústria marítima e introduzir legislação para o desenvolvimento sustentável do sector, os EAU têm estado na vanguarda do combate às alterações climáticas, protegendo o ambiente marinho, assegurando o bem-estar da comunidade marítima juntamente com o empoderamento das mulheres na indústria através das suas iniciativas.

Falando sobre as iniciativas dos EAU para abordar as questões dos marítimos e empoderamento das mulheres no sector marítimo, Hessa Al Malek, Conselheira do Ministro dos Assuntos de Transportes Marítimos, Ministério da Energia e Infra-estruturas dos EAU, afirmou: "Os EAU têm estado na vanguarda para assegurar o bem-estar da comunidade marítima através de iniciativas como "Apoiar o nosso Exército Azul" para reconhecer e apreciar a tripulação marítima como parte da categoria prioritária de trabalhadores. Esta iniciativa protege os direitos dos marítimos junto dos armadores e empresas operadoras, e também ajudou os marítimos a ultrapassar os desafios que enfrentaram em resultado da pandemia e das restrições de viagem". Os EAU são também um pioneiro em termos de assegurar o empoderamento das mulheres na indústria marítima. Através de associações como a Associação de Mulheres Árabes na Indústria Marítima (AWIMA), temos sido capazes de encorajar e destacar o papel das mulheres no sector marítimo, mas também as capacidades das mulheres para ter impacto no crescimento e progresso da indústria".

Comentando sobre a abordagem dos EAU no sentido da descarbonização e protecção do ambiente marinho, Mohammed Khamis Al Kaabi, Representante Permanente dos EAU na OMI, afirmou: "De acordo com o nosso objectivo de atingir metas líquidas zero, estamos a ajudar o sector naval a aderir à legislação da OMI de redução das emissões de óxido de enxofre, fornecendo novos combustíveis com baixo teor de enxofre a um preço acessível". Além disso, como parte dos nossos esforços para sustentar o nosso ambiente marinho, os portos de Abu Dhabi tinham lançado um projecto de deslocalização e conservação de corais nas águas em torno do porto de Khalifa, em Fevereiro de 2021. Além disso, lançámos também a iniciativa "Sail Safely", como parte dos nossos esforços contínuos para proteger o ambiente marinho, aumentar a segurança marítima, bem como proteger a vida das pessoas. Através da nossa reeleição no Conselho Executivo da OMI, esperamos capitalizar os nossos conhecimentos e capacidades a fim de ajudar a tomar decisões e anunciar estratégias que trabalharão para um objectivo comum".

Trad. por Nadia Allim.

wam.ae/en/details/1395303000202

WAM/Portuguese