Sábado 13 Agosto 2022 - 3:35:50 pm

A indústria de energia nuclear dos EAU, papel central no desenvolvimento global


ABU DHABI, 6 de Dezembro de 2021 (WAM) -- Apesar de todos os desafios, 2021 tem sido um ano notável para a indústria de energia nuclear dos EAU e para o futuro da nação como um todo. No quinquagésimo aniversário dos EAU, a Corporação de Energia Nuclear dos Emirados (ENEC) reflectiu sobre as principais iniciativas que o país empreendeu para salvaguardar os próximos cinquenta anos.

A ENEC conseguiu operações comerciais da Unidade 1 da Central de Energia Nuclear de Barakah, despachando os primeiros megawatts de electricidade sem carbono do país. A Central desempenha um papel significativo na transição de energia limpa do país e já está a realizar o maior esforço de descarbonização da história do sector energético dos EAU.

Também contribui significativamente para a Estratégia Energética dos EAU 2050, o que implica objectivos de redução das emissões de carbono, ao mesmo tempo que visa 50% da energia total do país derivada de fontes limpas e renováveis.

Este ano tem sido um período significativo para os esforços do Programa de Energia Nuclear Pacífica dos EAU no combate às alterações climáticas, com os EAU a comprometerem-se a tornar-se neutros em carbono até 2050, em meio a uma maior consciência e preocupação com o aquecimento global.

Actualmente, a Central de Barakah é um contribuinte significativo para a entrega de soluções para as alterações climáticas. Isto só deverá aumentar nos próximos anos, uma vez que as quatro unidades da Central entram em linha para gerar até 25 por cento da electricidade dos EAU. Prevê-se também que a Fábrica seja o maior contribuinte para diminuir as emissões de carbono do Emirato de Abu Dhabi em 50% até 2025 e gerar 85% da electricidade limpa de Abu Dhabi.

Olhando para o futuro, os EAU embarcaram em várias iniciativas que irão construir a nação para o próximo meio século sob os Princípios dos 50 - o roteiro dos EAU para um desenvolvimento económico nacional acelerado, para assinalar o jubileu de ouro do país. As oportunidades económicas significativas oferecidas pelo caminho para o net-zero apoiam directamente a visão de desenvolver os EAU na economia mais dinâmica do mundo. A Central de Barakah e o sector mais amplo da energia nuclear contribuem significativamente para este roteiro.

A Central de Barakah facilita a aceleração da I&D em ciência e tecnologia nuclear e impulsiona a inovação em vários campos relacionados, incluindo o hidrogénio, para impulsionar a futura descarbonização. Mais importante ainda, o trabalho de base que tem sido realizado permitirá o desenvolvimento de competências e talentos nos sectores de energia limpa e nuclear para a geração futura dos Emirados, ao mesmo tempo que inspira a juventude a continuar a prosseguir a acção contra as alterações climáticas e a tornar-se os líderes da energia limpa de amanhã.

A ENEC continuará a reforçar a posição dos EAU como líder energético global e a apoiar os objectivos de sustentabilidade no âmbito da histórica Iniciativa Estratégica Net Zero e da Estratégia Energética dos EAU 2050.

Para o próximo capítulo do país, a ENEC continua comprometida em liderar os esforços de descarbonização da nação através da Central de Barakah e vários programas de formação para jovens no campo da energia nuclear, a fim de continuar a construir conhecimentos especializados durante os próximos 50 anos.

Trad. por Nadia Allim.

/wam.ae/en/details/1395303000052

WAM/Portuguese