Segunda-feira 05 Dezembro 2022 - 3:11:11 pm

Presidente dos Emirados e chanceler alemão testemunham a assinatura de novo Acordo de Segurança Energética e Acelerador Industrial


ABU DHABI, 25 de setembro de 2022 (WAM) -- O presidente dos Emirados Árabes Unidos, Mohamed bin Zayed, e o chanceler alemão, Olaf Scholz, testemunharam a assinatura de um novo Acordo de Segurança Energética e Acelerador Industrial, que irá acelerar projetos de interesse conjunto em termos de segurança energética, descarbonização e ação climática.

O acordo foi assinado pelo Dr. Sultan Ahmed Al Jaber, ministro da Indústria e Tecnologia Avançada dos Emirados e enviado especial do país para o Clima, diretor administrativo e CEO do Grupo Companhia Nacional de Petróleo de Abu Dhabi (ADNOC, na sigla em inglês), e pela Dra. Franziska Brantner, secretária de Estado parlamentar do Ministério Federal para Assuntos Econômicos e Ação Climática.

Como parte do tratado, a ADNOC firmou um acordo de fornecimento de GNL com a RWE AG (RWE), com a ADNOC fornecendo uma carga de GNL para entrega no final de 2022 para ser utilizada no comissionamento do terminal flutuante de importação de GNL da Alemanha em Brunsbüttel. Além disso, a ADNOC reservou uma série de outras cargas de GNL exclusivamente para clientes alemães em 2023.

A ADNOC também firmou vários acordos com clientes alemães, incluindo a Steag GmbH (Steag) e a Aurubis AG (Aurubis) para cargas de amônia com baixo teor de carbono, um combustível de transporte de hidrogênio que pode desempenhar um papel crítico na descarbonização de setores industriais difíceis de descarbonizar. A primeira dessas cargas chegou em Hamburgo no início deste mês. Pela proposta, ambos os países prevêem explorar mais oportunidades para acelerar o crescimento e a colaboração em toda a cadeia de valor do hidrogênio.

Além disso, Masdar, o campeão de energia renovável dos EAU, estará explorando ativamente oportunidades nos mercados eólicos offshore no Mar do Norte e no Mar Báltico na Alemanha que poderiam gerar até 10GW de capacidade de produção de energia renovável até 2030, sujeito ao cumprimento das políticas e exigências regulatórias alemãs necessárias entre as duas nações.

Finalmente, foi anunciado que a ADNOC havia concluído a primeira entrega direta de diesel dos Emirados Árabes Unidos à Alemanha em setembro de 2022, e acordou os termos com a Wilhelm Hoyer GmbH & Co. KG (Hoyer) para fornecer até 250 mil toneladas de diesel por mês em 2023.

Olaf Scholz disse que através do acordo, "possibilitamos a rápida implementação de projetos de farol estratégico nas áreas de foco das energias renováveis, hidrogênio, GNL e ação climática".

Dr. Sultan Al Jaber comentou que o novo acordo reforça a parceria energética em rápido crescimento entre os Emirados Árabes Unidos e a Alemanha. "Ao abraçarmos a transição energética, a ADNOC está totalmente empenhada em acelerar e investir em projetos de segurança energética, descarbonização e ação climática, pois continuamos a ser um fornecedor responsável e confiável e um exportador confiável de energia com baixo teor de carbono", disse.

A cerimônia de assinatura do acordo contou com a presença do tenente-general Xeique Saif bin Zayed Al Nahyan, vice-primeiro-ministro e ministro do Interior, o Xeique Mansour bin Zayed Al Nahyan, vice-primeiro-ministro e ministro da Corte Presidencial, Xeique Hamed bin Zayed Al Nahyan, membro do Conselho Executivo de Abu Dhabi, Xeique Hamdan bin Mohamed bin Zayed Al Nahyan, Xeique Mohammed bin Hamad bin Tahnoun Al Nahyan, conselheiro de Assuntos Especiais no Ministério da Corte Presidencial, Suhail bin Mohammed Al Mazrouei, ministro da Energia e Infraestrutura, Mariam bint Mohammed Almheiri, ministra para Mudança Climática e Meio Ambiente, Dr. Anwar Gargash, conselheiro diplomático do presidente dos EAU, e Khaldoun Khalifa Al Mubarak, presidente da Autoridade de Assuntos Executivos, e membros da delegação que acompanhou o Chanceler alemão, assim como vários ministros e altos funcionários.

Vale lembrar que os recursos de petróleo e gás de Abu Dhabi têm uma das menores intensidades de carbono do mundo. O principal produto de petróleo bruto do ADNOC, Murban, tem menos da metade da intensidade de carbono da média da indústria e a empresa está cumprindo seus planos de reduzir a intensidade de carbono de suas operações em mais 25% até 2030. O petróleo bruto de Murban é livremente negociado na bolsa ICE Fuures Abu Dhabi (IFAD), onde é vendido como um destino livre de petróleo bruto a compradores de todo o mundo.

trad. nadia allim.

wam.ae/en/details/1395303086451

WAM/Portuguese